Estádio do Morumbi-SP

Dois fortes candidatos
ao rebaixamento diminuem
suas chances de recuperação

São Paulo empata em 2 a 2 com a Ponte Preta no Morumbi e complica ainda mais sua situação no Campeonato Brasileiro, amargando a penúltima posição na zona de rebaixamento. 

Com o empate em 2 a 2, jogando em casa, no Morumbi, a equipe de Dorival Júnior, mais uma vez não convenceu. A Macaca mesmo depois de abrir dois gols de vantagem no placar, não conseguiu manter a vantagem e, a situação pode piorar nesse domingo, 10, quando o Avaí visitará o Sport na Ilha do Retiro e a Chapecoense receberá Cruzeiro pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O resultado diante da Ponte Preta, também não foi nada bom para o São Paulo que continua na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. Ocupando a desconfortável posição de vice-lanterna na competição com 24 pontos, o time comandado pelo técnico Dorival Jr segue com dificuldades para iniciar uma sequência de vitórias e, enfim, sair da incômoda situação pela qual atravessa nesta temporada.

Falando em zona de rebaixamento, fica difícil entender porque o São Paulo entrou em campo nessa condição se olharmos apenas o primeiro tempo. Militão humilhou Lucca na lateral direita, enquanto Lucas Fernandes jogou como um veterano. Flutuou, como Dorival tanto pede a Cueva – banco nesse sábado –, armou, finalizou e sofreu a falta que originou o primeiro gol do jogo.

Pela sétima vez nos últimos sete jogos, Hernanes foi às redes, e de novo fez um golaço de falta. Dessa vez a bola teve o capricho de tocar no travessão antes de entrar só para criar mais emoção no gol do Profeta.

Gilson Kleina percebeu que precisava mexer para não ser goleado. A derrota magra até ali estava barata. Então, Léo Gamalho entrou na vaga de Elton para fazer companhia a Emerson Sheik, totalmente isolado no ataque durante toda a etapa inicial.

Não adiantou. O São Paulo, sob a batuta de Hernanes e Lucas Fernandes, continuou melhor e chegou ao segundo gol de forma merecida. Aranha saiu do gol completamente atrasado e perdeu no alto para o estreante zagueiro Bruno Alves.

Falando em Bruno Alves, ele bem que poderia ter tido uma estreia perfeita com a camisa do São Paulo, não fosse a reação da Ponte Preta. Autor do segundo gol tricolor, o zagueiro teve um bom desempenho individual, entretanto, vai para casa sem motivos para comemorar.

Por outro lado, a Ponte Preta, resolveu reagir, quando Sidão espalmou uma cabeçada a queima roupa de Luan Peres. Na sequência, um bate rebate incrível dentro da área resultou em pênalti para a Macaca e expulsão de Jucilei. O volante, mesmo caído, evitou o gol de Naldo com o braço. Danilo não desperdiçou a chance na cobrança da penalidade e colocou a Ponte no jogo.

Com um a menos, o São Paulo se perdeu em campo. Não demorou e, após alguns avisos, a Ponte Preta chegou ao empate com Léo Gamalho, de cabeça. O Morumbi silenciou. Nem mesmo críticas eram possíveis ser ouvidas.

Antes do apito final, Sidão ainda evitou o pior, a trave colaborou e o São Paulo, por muito pouco, não levou uma virada histórica diante de seu torcedor. Agora, ao Tricolor, 24 pontos e 19º colocado, resta pensar no Vitória, desafio de domingo, em Salvador. Já a Ponte Preta, 13ª com 28 pontos, terá a chance de embalar em casa, contra o Atlético-GO.

FICHA TÉCNICA

São Paulo 2 X 2 Ponte Preta

São Paulo: Sidão; Militão (Buffarini), Bruno Alves, Rodrigo Caio e Edimar; Petros, Marcos Guilherme (Cueva), Jucilei, Hernanes e Lucas Fernandes (Marcinho); Lucas Pratto
Técnico: Dorival Júnior

Ponte Preta: Aranha; Nino Paraíba, Marllon, Luan Peres e Danilo; Fernando Bob, Elton (Leo Gamalho), Naldo (Renato Cajá) e Saraiva; Lucca (Maranhão) e Emerson Sheik.
Técnico: Gilson Kleina

Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 9 de setembro de 2017, sábado
Horário: 19 horas (de Brasília)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ)
Assistentes: Dibert Pedrosa Moises e MIchael Correia (ambos do RJ)
Cartões amarelos: SÃO PAULO: Edimar (São Paulo) e Elton (Ponte Preta
Cartão vermelho: SÃO PAULO: Jucilei
Público: 43.724
Renda: 1.059.664,00

GOLS:
São Paulo: Hernanes, aos 33 minutos do 1T, e Bruno Alves, aos 11 minutos do 2T.
Ponte Preta: Danilo, aos 19, e Léo Gamalho, aos 29 minutos do 2º tempo

 

Fonte: Gazeta Esportiva
Fotos: Sérgio Barzaghi (Gazeta Press)
Vídeo: YouTube

 

Enviar Comentário

Deseja enviar um comentário para esta notícia.
Efetue login ou cadastre-se abaixo.

Não tem um login? CADASTRE-SE

Recuperar Senha

Informe o e-mail cadastrado para que possamos estar enviando suas informações de login.

Cadastre-se

Faça seu cadastro no galeraesportiva.com.br

Já tem um login? EFETUAR LOGIN


Mais Esportes >

Leia Também

PUBLICIDADE