Estádio Jutair Neto, São Luiz.

 

Por, Prof. Eduardo Leão, Diretor de Esportes das
Categorias de Base.

Jogando em casa o São Luiz Futebol Clube recebeu a equipe goianiense do Clube Jaó, em jogo válido pela segunda rodada do Campeonato Goiano sub 17 da Primeira Divisão. A partida entre as duas equipes, mesmo tendo sido realizada em plena terça-feira, dia 4, às 15h30, o público compareceu e saiu satisfeito com a atuação da equipe do Galinho da Montanha.

Comanda pelo ousado e competente técnico Tiago Gomes, iniciou a partida com a seguinte escalação: goleiro 1 - Paulo Henrique, 2 - Danilo, 3 - João Guilherme, 4 - Vinícius Maia, 20- Eduardo, 6 - Lucas Ribeiro, 7 - Félix JR, 8 - Juan, 18- João Vitor Pará, 10 - Eduardo Figueiredo e o camisa 11 - João Vitor Real. Ainda participaram da partida os reservas: 9 - Pedro Damasceno, 14 - Pedro Salomão, 15 - Joabe, 16 -  Matheus Mabel e 17 - Gabriel Dete.

A equipe montebelense buscou o gol desde o início da partida, criando várias oportunidades, mas nada da bola entrar. Mantendo-se cautelosa, a equipe do Clube Jaó jogou praticamente o tempo todo fechada. Explorando os contra-ataques quando surgia oportunidade.

No final do primeiro tempo finalmente o galo conseguiu seu gol através do camisa 18 João Vitor Pará. O gol trouxe tranquilidade para a garotada do São Luiz F. C., com coragem e acreditando no seu ótimo futebol, partiram com tudo para decidir o confronto conquistando um resultado expressivo sob o comando técnico de Tiago Gomes, com habilidade definiu um esquema tático preciso nos toques de bola e decisivos nas finalizações.

Dito e feito. Numa linda jogada individual do meia João Vitor Real, no final do primeiro tempo, o zagueiro adversário cometeu pênalti, o camisa 10 Eduardo Figueiredo, com tranquilidade escolheu e canto e converteu. Somando mais um tento no placar.

No segundo tempo, depois da equipe alvirrubra do São Luiz ter descoberto o mapa da minha. A artilharia pesada do Galinho partiu pra cima e descarregou uma saraivada de chutes implacáveis contra o goleiro adversário, obrigando-o a dar o máximo de si, ainda que, a derrota estava visível, já que a zaga havia sido abatida sem remorso para o time da casa. Pedro Damasceno, João Vitor Pará, Gabriel Dete, Danilo, foram fatais nas suas finalizações, até que, João Vitor Real dá o tiro de misericórdia, fazendo um golaço e fechar o placar em 7 a 0.

O próximo jogo do São Luiz Futebol Clube Sub 17, será nesta sexta-feira, dia 7, em Goiânia, no estádio Antônio Accioly, contra a equipe do Atlético Clube Goianiense, que estará defendendo o resultado a seu favor no seu próprio QG.

 

Fotos: Eduardo Leão.


Mais Esportes >

Leia Também

PUBLICIDADE