O destemido Sub 17 do São Luiz vence o Clube Jaó de Goiânia, por 7 a 0

A equipe do Sub 17 do alvirrubro Galinho da Montanha, fazendo bem o dever de casa, venceu o Clube Jaó, no Estádio Jutair Neto, pelo Campeonato Goiano da Primeira Divisão com um expressivo resultado.

Estádio Jutair Neto, São Luiz.

 

Por, Prof. Eduardo Leão, Diretor de Esportes das
Categorias de Base.

Jogando em casa o São Luiz Futebol Clube recebeu a equipe goianiense do Clube Jaó, em jogo válido pela segunda rodada do Campeonato Goiano sub 17 da Primeira Divisão. A partida entre as duas equipes, mesmo tendo sido realizada em plena terça-feira, dia 4, às 15h30, o público compareceu e saiu satisfeito com a atuação da equipe do Galinho da Montanha.

Comanda pelo ousado e competente técnico Tiago Gomes, iniciou a partida com a seguinte escalação: goleiro 1 - Paulo Henrique, 2 - Danilo, 3 - João Guilherme, 4 - Vinícius Maia, 20- Eduardo, 6 - Lucas Ribeiro, 7 - Félix JR, 8 - Juan, 18- João Vitor Pará, 10 - Eduardo Figueiredo e o camisa 11 - João Vitor Real. Ainda participaram da partida os reservas: 9 - Pedro Damasceno, 14 - Pedro Salomão, 15 - Joabe, 16 -  Matheus Mabel e 17 - Gabriel Dete.

A equipe montebelense buscou o gol desde o início da partida, criando várias oportunidades, mas nada da bola entrar. Mantendo-se cautelosa, a equipe do Clube Jaó jogou praticamente o tempo todo fechada. Explorando os contra-ataques quando surgia oportunidade.

No final do primeiro tempo finalmente o galo conseguiu seu gol através do camisa 18 João Vitor Pará. O gol trouxe tranquilidade para a garotada do São Luiz F. C., com coragem e acreditando no seu ótimo futebol, partiram com tudo para decidir o confronto conquistando um resultado expressivo sob o comando técnico de Tiago Gomes, com habilidade definiu um esquema tático preciso nos toques de bola e decisivos nas finalizações.

Dito e feito. Numa linda jogada individual do meia João Vitor Real, no final do primeiro tempo, o zagueiro adversário cometeu pênalti, o camisa 10 Eduardo Figueiredo, com tranquilidade escolheu e canto e converteu. Somando mais um tento no placar.

No segundo tempo, depois da equipe alvirrubra do São Luiz ter descoberto o mapa da minha. A artilharia pesada do Galinho partiu pra cima e descarregou uma saraivada de chutes implacáveis contra o goleiro adversário, obrigando-o a dar o máximo de si, ainda que, a derrota estava visível, já que a zaga havia sido abatida sem remorso para o time da casa. Pedro Damasceno, João Vitor Pará, Gabriel Dete, Danilo, foram fatais nas suas finalizações, até que, João Vitor Real dá o tiro de misericórdia, fazendo um golaço e fechar o placar em 7 a 0.

O próximo jogo do São Luiz Futebol Clube Sub 17, será nesta sexta-feira, dia 7, em Goiânia, no estádio Antônio Accioly, contra a equipe do Atlético Clube Goianiense, que estará defendendo o resultado a seu favor no seu próprio QG.

 

Fotos: Eduardo Leão.


Mais Esportes >

Leia Também

PUBLICIDADE